adobe-premiere-pro

 

 A AMD – fabricante de processadores e placas gráficas – anuncia a colaboração com a Adobe Systems Incorporated para oferecer, pela primeira vez, a arquitetura OpenCL para edição de vídeo na plataforma Microsoft Windows na nova versão do Adobe® Premiere Pro. Esse acordo demonstra o comprometimento da AMD em oferecer ao seu ecossistema de parceiros padrões abertos para plataformas diversas.

A combinação do suporte expandido a padrões abertos e a solução Adobe Creative Cloud trazem um acesso incomparável ao que há de mais atual e poderoso em termos de ferramentas profissionais para pós-produção.

A próxima versão do Adobe Premiere Pro foi otimizada para tirar total vantagem de uma ampla gama de processadores acelerados (APUs) e placas gráficas (GPUs) AMD, entregando uma edição sem precedentes com formatos variados. A AMD e Adobe expandiram as funcionalidades avançadas do OpenCL para profissionais de criação que utilizam o sistema operacional Windows. Essa novidade vem complementar o suporte que já era oferecido ao OSX, por meio do já popular suporte ao Mac OSX OpenCL.

“A AMD e a Adobe dedicam-se a oferecer soluções profissionais e de consumo que suportam padrões abertos e proporcionam a capacidade de criar na velocidade do pensamento para os artistas em qualquer lugar”, afirma Neal Robison, Diretor Sênior de Alianças de Software da AMD. “Por meio de um forte relacionamento da AMD com a Adobe, os editores de vídeo já não têm mais de esperar pela renderização de edições, efeitos e composições ─ já que quase tudo pode ser realizado com alta qualidade em tempo real. ”

A união do hardware gráfico da AMD com os mais recentes versões de software da Adobe vai beneficiar os profissionais de vídeo e consumidores. A próxima versão do Adobe Premiere Pro, com suporte para OpenCL, aproveita o poder da placas gráficas discretas da AMD e das APUs da Serie A da AMD para permitir edições em tempo real, aplicação de dezenas de efeitos, suporte para o novo mecanismo Lumetri de profundidade de cor e fluxos de trabalho acelerados de formato misto e transmissão múltipla com a tecnologia de multi-display (ou multimonitor).

De APUs e placas gráficas de notebooks a cartões de estações de trabalho profissionais como o AMD FirePro™ W-Series, a tecnologia AMD trabalha de forma transparente com o Adobe Premiere Pro para fornecer soluções escaláveis de edição aceleradas pela GPU para consumidores e profissionais de criação em qualquer lugar. O software é acelerado por OpenCL para aproveitar com eficiência o poder de computação das APUs e placas gráficas da AMD, além de atingir exportações até 4,3 vezes mais rápidas de um formato de origem com efeitos para um formato de destino final preferido para distribuição e publicação com rapidez e facilidade.

“Nosso foco é criar o melhor software possível, e na NAB Show (feira de tecnologia em mídia) estamos lançando alguns aperfeiçoamentos incríveis para as nossas ferramentas de edição de vídeo”, afirma Simon Williams, Diretor de Relações Estratégicas da Adobe. “Nossos clientes precisam de sistemas poderosos que lhes permitam trabalhar de forma rápida e eficiente. Embora já tenhamos o suporte para o OpenCL no Mac, o anúncio de hoje dá aos profissionais de criação a oportunidade para explorar os enormes recursos de computação das APUs e GPUs da AMD em PCs baseados no Windows, ampliando o tipo de experiência acelerado que eles poderão ter com o nosso próximo software”, reforça o executivo.

Os profissionais de vídeo e entusiastas que utilizam o Adobe Creative Cloud têm uma vantagem competitiva por meio do acesso imediato aos recursos e funcionalidades com aceleração de hardware da AMD, com o mais recente software de produção de vídeo Adobe. O Adobe Creative Cloud oferece um conjunto de ferramentas completo para todas as plataformas, com software líder de mercado, perfeitamente integrado com todo o hardware necessário para criação, colaboração e conexão.

Via : AMD e Agência Ideal