Você nunca está protegido quando se trata de hackers, se você acha que está protegido apenas porque seu computador não está conectado na internet, e ninguém conseguirá roubar seus dados, você está totalmente enganado.

Isso porque, recentemente especialistas de segurança mostraram recentemente que sons emitidos pelo disco rígido do PC, podem facilmente ser usados para transmitir dados de uma máquina para outra sem problemas.

E agora, o Hack DiskFiltration, demostra em vídeo feito pelo especialista em segurança Mordechai Guri, da Universidade Ben-Gurion, de Israel, funciona ao controlar o ativador do disco rígido, que fica se mexendo constantemente nos pratos do disco para ler e escrever dados.

É como uma agulha ao tocar em um vinil, ela se mexe constantemente em uma velocidade tremenda que é possível capturar em códigos binários com barulho emitido.

Confira o vídeo:

O barulho você já deve ter escutado quando liga ou seu desktop ou acessa uma pasta e demora pra ser acessada, todo esse som vem do disco rígido da máquina, e claro, com esse malware instalado (DiskFiltration), esses sons se transformam em códigos que enviam informação para outro dispositivo. Então já sabe, você não precisa está conectado para passar informações do seu HD para outro.

O mais interessante é que o DiskFiltration, funcina com a distância máxima de até 1,8 metros, mas o nível de transferência de dados é baixa, sendo de até 180 bits por segundo, mas já é o suficiente para capturar uma chave complexa de criptografia, como o algoritmo 4096 bit da RSA levando em cerca de 25 de minutos.

Lembrando que o malware (Hacker) não funciona com SSD, porque ele não tem partes mecânicas para se mexerem e reproduzirem esses barulhos que apenas um disco rígido normal tem, de qualquer forma é um hacker bem louco que ninguém imaginaria que poderia existir, mas existe e é bom você tomar cuidado !

(Via: Gizmodo)